TREMENDA GENTILEZA

16 de maio de 2014

Erasmo Carlos fala sobre amor, maluquices e maldades na internet

Aos 72 anos e com o disco Gigante Gentil saindo do forno, Erasmo Carlos garante que está mais doidão do que nunca. Mas esqueça a trinca sexo, drogas e rock’n’roll. Para o cantor, a maluquice hoje é sobreviver ao mundo contemporâneo com dignidade. “Em 2014, ser doidão é enfrentar a vida de frente, sem hipocrisia.” Para J.P, Erasmo ainda nega sua eterna fama de mau, declara seu amor ao rock e à bossa nova e conta que aprendeu a usar a maldade da internet como inspiração para suas músicas. Sempre irreverente, ele afirma: “Antigamente, tomava droga para fazer amor. Hoje, sei que o amor já é uma grande viagem”. Leia na íntegra na J.P (maio/2014)

 

© Joyce Pascowitch 2013